Quais oportunidades sua empresa está perdendo?

O Coronavírus trouxe não apenas uma crise nos sistemas de saúde ao redor do mundo, como também uma das piores crises financeiras que a humanidade já presenciou. Alguns especialistas comparam esse momento com a Grande Depressão que aconteceu no século XX e pedem que as pessoas estejam preparadas.

No meio desse cenário quase caótico, muitas empresas sentiram uma redução brusca em suas vendas e começaram suas fases de cortes para conseguir sobreviver mais um mês.

Um estudo realizado pelo Sebrae em abril de 2020, registrou o fechamento de mais de 500 mil micro e pequenas empresas que resultou em milhões de brasileiros desempregados. Aquelas que conseguiram manter-se abertas precisaram revisitar seus modelos de negócio com urgência.

Quantas marcas que dependiam tanto do varejo físico, não se viram obrigadas a adotar vendas online para continuar funcionando? No entanto, ainda existe outra oportunidade para as micro e pequenas empresas, que nem todo mundo está aproveitando.

Exportação e Importação para pequenas e médias empresas

A exportação de produtos é um ótimo recurso para quem não está conseguindo vender no território nacional.

A Federação de Associações Comerciais do Estado de São Paulo já registrou casos muito interessantes, de pequenos empreendedores que estavam com as vendas zeradas no Brasil, mas quando apostam na exportação quadruplicaram seus resultados.

É muito comum sermos positivos e acreditar que uma vez que a pandemia do Coronavírus passe e o isolamento social acabe, as coisas voltem a ser como eram. Que o nosso mercado interno estará intacto e que bastará voltar a vender para ele aquecer novamente. Não é bem assim.

Os especialistas da área da economia, como Alfredo Cotait Neto, presidente da Facesp e da ACSP, já previram que o mercado interno brasileiro está praticamente fechado e que a melhor solução nesse momento é exportar. Essa é uma prática que já deveria estar incorporada no plano de negócio das empresas, mas que a crise do Coronavírus veio para acelerar.

A exportação deve ser um aliado do seu negócio nesse momento. É a oportunidade para abrir mais um canal de vendas que permite seu produto desbravar outros mercados.

Porém, não basta levar seu produto para um novo mercado. É preciso olhar também para os custos da confecção dele.

Caso use alguma matéria-prima importada, pode ser que seus custos também tenham aumentado nesse momento. Uma das soluções para rever esse problema é colocar na ponta do lápis todas suas despesas e, se for o caso, procurar a melhor taxa para o seu negócio.

Escolha o parceiro certo

Trabalhar com parceiros que tenham não apenas a experiência no mercado de exportação, mas que também ofereçam boas taxas para sua importação pode ser fundamental para o sucesso dessa nova empreitada da sua empresa.

Para receber mais conteúdos como esse e continuar acompanhando nossas dicas para importação e exportação de câmbio, basta preencher o formulário abaixo.