“Spread de câmbio”. Você sabe ao certo quanto esta gastando?

A diferença entre a taxa de compra e a taxa de venda é o spread cambial. O spread existe em mercados como,  bolsas de valores, câmbio de moedas e outros mercados financeiros. Por exemplo, para comprar US$ 10 mil e enviar para o exterior, você terá que gastar R$ 4,12, mas se nesse mesmo instante a cotação para quem fosse vender US$ 10 mil seria R$ 4,10. Isso significa que o spread é R$ 0,02 ou 0,5%. O preço médio de mercado neste caso seria R$ 4,11 – isso também pode ser chamado de taxa real (comercial) de conversão monetária. Apesar de muitas vezes ser expresso em porcentagem, o spread deveria fazer parte da contabilidade financeira e da gestão de custos para realização de câmbio.

Sua empresa pode evitar gastar desnecessariamente com spread cambial, evitando usar os bancos tradicionais na hora de realizar remessas internacionais e optar pela nossa plataforma on-line, acesse grátis, compare e economize!

www.TransferHub.com.br.

Curiosidades…

  • O spread é uma despesa que não se apropria contabilmente, pois não vem nota para pagar e por isso merece mais atenção;
  • A maioria das empresas não têm acesso as cotações em tempo real, o que impossibilita a verificação correta do spread;
  • Mesmo cotando dois ou mais bancos ao mesmo tempo, fica difícil saber ao certo quanto é o spread.

Equipe Dourada@TransferHub